The Revista Brasileira de Educação (Brazilian Journal of Education), published by ANPEd - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (National Association of Post-Graduation and Research), publishes academic and scientific articles and is geared towards enhancing academic interchange within a national and an international scenario. Its main audience is teachers, tutors, lecturers and researchers in education, as well as undergraduate, graduate and post-graduate students of the social and human sciences. Areas of interest - education; primary and secondary education; higher education and educational policies; social movements and education. The Revista Brasileira de Educação is a quarterly publication.

News

The Globethics.net library contains articles of Revista Brasileira de Educação as of no. 14(2000) to current.

Recent Submissions

  • Escola sem Partido - elementos totalitários em uma democracia moderna: uma reflexão a partir de Arendt

    GUILHERME,ALEXANDRE ANSELMO; PICOLI,BRUNO ANTONIO (ANPEd - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação, 2018-01-01)
    RESUMO Entre 2014 e 2016, projetos de lei (PLs) que possibilitam reviver experiências passadas em novo formato e contexto foram apresentados nas duas casas legislativas brasileiras. Esses PLs versam sobre a educação escolar, mas possuem como corolário um projeto de nação normativo e mutilador. Essas propostas são inspiradas em um movimento alegadamente apartidário e anti-ideológico autodenominado Movimento Escola sem Partido. O objetivo desse artigo é discutir os PLs n. 867/2015 e n. 193/2016 que estão em tramitação na Câmara e no Senado, e problematizá-los a partir das advertências e reflexões de Arendt que discutem a educação e o totalitarismo, as funções da escola, a separação entre ensino e educação e a negação da pluralidade e da ação política. É emergente a necessidade de refletir sobre tais propostas, sobretudo em razão da alta carga emocional que carregam consigo no contexto atual, marcado por ruptura da ordem democrática vigente desde a promulgação da Constituição Federal, em 1988.
  • Autoridade e educação: o desafio em face do ocaso da tradição

    Carvalho,José Sérgio Fonseca de (ANPEd - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação, 2015-12-01)
    RESUMO A discussão sobre o lugar da autoridade na educação escolar tem mobilizado intelectuais, professores e responsáveis por políticas públicas da área. Em geral, os discursos alternam-se entre a denúncia e o lamento; entre a rejeição de relações escolares fundadas na autoridade e a busca de restauração de uma suposta autoridade perdida. Este artigo procura ressaltar que, apesar das divergências teóricas e programáticas entre essas duas tendências dos discursos educacionais, elas têm um aspecto comum: não distinguem a obediência produzida por uma relação de autoridade - sempre fundada na confiança - daquela que emerge da violência, da coerção ou do mero apego à legalidade. Assim, o debate acerca dos dilemas e impasses vinculados ao ocaso da autoridade nas relações educativas, com base na emergência do mundo moderno, exige a compreensão da especificidade desse tipo de relação e dos regimes de temporalidade que orientam os nexos que as sociedades estabelecem entre presente, passado e futuro.
  • A banalidade do mal e as possibilidades da educação moral: contribuições arendtianas

    Andrade,Marcelo (ANPEd - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação, 2010-04-01)
    Mais do que uma época de crises, enfrentamos hoje uma crise de época, na qual a educação tem papel fundamental a desempenhar. Nesse sentido, o trabalho revisita a obra de Hannah Arendt, filósofa que pensou e viveu em tempos sombrios, a fim de entender alguns conceitos fundamentais para repensar hoje a educação moral ou a educação em valores. Com pesquisa centrada nas obras Eichmann em Jerusalém: um relato sobre a banalidade do mal e A vida do espírito, o trabalho visa compreender como e por que Hannah Arendt cunhou o conceito de banalidade do mal e em que sentido ele se relaciona com o vazio do pensamento e com uma proposta de educação em valores.
  • Missionárias norte-americanas na educação brasileira: vestígios de sua passagem nas escolas de São Paulo no século XIX

    Almeida,Jane Soares de (ANPEd - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação, 2007-08-01)
    Nos anos finais do século XIX, a Província de São Paulo contava com vários estabelecimentos de ensino fundados pelos missionários norte-americanos: as escolas americanas. Essas escolas passaram a fazer parte da oferta de ensino regular num sistema escolar que tentava firmar-se na educação paulista, e chegaram mesmo a destacar-se no cenário nacional, sendo reconhecidas pelas autoridades brasileiras, colaborando na construção da cultura, da nacionalidade e da identidade do país. Ao ressaltarem a necessidade de educação para as mulheres e o magistério feminino como forma de elevação moral e espiritual, de acordo com seus preceitos religiosos, e instituírem a co-educação dos sexos, descortinaram uma nova perspectiva educacional, diferente da pregada pelos colégios católicos e até mesmo pelo ensino público, introduzindo as premissas liberais vigentes nos Estados Unidos, e que em São Paulo ainda eram vistas com certo receio pelos setores conservadores da sociedade civil e da Igreja católica.
  • Atendimento Educacional Especializado: planejamento e uso do recurso pedagógico

    SEABRA JUNIOR,MANOEL OSMAR; LACERDA,LONISE CAROLINE ZENGO DE (ANPEd - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação, 2018-01-01)
    RESUMO Analisar as contingências a que o professor do Atendimento Educacional Especializado está submetido ao realizar o desenvolvimento e aplicação dos recursos pedagógicos necessários aos estudantes da sala de recurso multifuncional foi o objetivo desta investigação. Utilizou-se roteiro de entrevista semiestruturada seguido por análise de conteúdo. Como base para a entrevista e escopo teórico, recorreu-se a um fluxograma com etapas para o desenvolvimento de recursos de tecnologia assistiva. Os resultados demonstraram que os professores realizam as etapas propostas pelo fluxograma, porém não se exaurem nelas, manifestando na prática docente preocupações em diferentes áreas, como o trabalho colaborativo, a invisibilidade do recurso de tecnologia assistiva, constante compreensão do universo do aluno e, principalmente, o acompanhamento do uso de recursos no ambiente escolar. Apresenta-se na conjuntura de ações convergência de conhecimentos teóricos, da práxis e da contextualização com a realidade.
  • Do governo dos homens... e das almas

    NASCIMENTO,CLARICE ANTUNES DO (ANPEd - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação, 2018-01-01)
    RESUMO O artigo contempla discussões acerca de um programa de governo que visa à participação da sociedade nas ações e decisões governamentais, estimulando iniciativas de caráter voluntário, solidário e colaborativo. Mais que isso, visa à produção de sujeitos empreendedores e proativos, inseridos numa lógica econômico-solidária que parece ter como objetivo a responsabilização dos sujeitos. Com base nas teorias de Foucault, problematiza-se a hipótese de o Estado estar assumindo um papel compreendido como da Escola - o de educador -, na medida em que se utiliza de estratégias que atuam pedagogicamente sobre os indivíduos, produzindo subjetividades. E cogita-se a emergência de um Estado-coach, que assume o papel de estimular as pessoas a alavancarem melhores resultados. Conforme Wolk (2008), o papel do coach é capacitar os outros para que possam obter o máximo de rendimento de suas competências e habilidades.
  • Memória e memorização. Sobre um anátema na educação

    Valle,Lílian do; BOGÉA,DIOGO (ANPEd - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação, 2018-01-01)
    RESUMO Um anátema acompanha a história da educação na Modernidade com força somente comparável ao enorme prestígio de que as práticas expurgadas longamente desfrutaram: trata-se do recurso à memorização. Essa rejeição peremptória prolonga um passado talvez já esquecido, mas, resistente, ela arrasta consigo inúmeras noções igualmente marcadas de abjeção - por exemplo, as de “exercício”, “hábito” e mesmo de “rotina” - e acaba por atingir em cheio o conceito de memória “individual”. Exilada dos meios educacionais, é curioso que a memória tenha sobrevivido no coração do que faz a formação humana: as concepções de identidade herdadas da Modernidade. Diante disso, como conceber nossa relação com a memória, e que lugar atribuir a essa relação no processo de formação humana?
  • O currículo de licenciatura em educação física e a fabricação do sujeito-cliente

    Nunes,Mário Luiz Ferrari; Neira,Marcos Garcia (ANPEd - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação, 2018-01-01)
    RESUMO São apresentados os resultados de uma etnografia que objetivou compreender como o currículo de licenciatura em educação física (EF) de uma instituição de ensino superior privada (IESp) promove modos de subjetivação, a fim de produzir a identidade do futuro professor em tempos de lutas por mudanças sociais e por imposições neoliberais de modos de ser produtivos e eficientes. Os estudos culturais na sua perspectiva pós-estruturalista foram adotados como aporte teórico e a arquegenealogia foucaultiana inspirou a forma de análise de documentos e práticas. Dentre os sujeitos projetados pelo currículo em xeque, o esforço recaiu na análise da produção do sujeito-cliente, tomando por referência a noção de governamentalidade compreendida como a arte de governo de si e dos outros. Enquanto objeto e objetivo do ensino superior (ES) privado, a produção do sujeito-cliente exige a reformulação contínua do currículo e naturaliza estratégias de regulação que visam à submissão total da vida às regras do mercado.
  • Gestão escolar, liderança do diretor e resultados educacionais no Brasil

    OLIVEIRA,ANA CRISTINA PRADO DE; Carvalho,Cynthia Paes de (ANPEd - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação, 2018-01-01)
    RESUMO Este estudo ressalta a relação entre um fator intraescolar - a liderança do diretor (percebida pelos professores da escola) - e um fator extraescolar - as políticas de provimento do cargo de direção da escola - com os resultados acadêmicos dos alunos. Utilizando-se dos dados das edições de 2007, 2009 e 2011 da Prova Brasil, o estudo, de natureza quantitativa, inicialmente descreve o perfil dos diretores das escolas avaliadas somente no 5º ano do ensino fundamental. O trabalho envolveu a criação do índice de liderança do diretor por meio da análise fatorial e da variável indicativa do provimento de cargo do diretor. Por fim, desenvolveu-se uma regressão linear buscando relacionar essas variáveis ao desempenho dos alunos do 5º ano (proficiência média em matemática na Prova Brasil). Foi possível verificar que, quando controlado o nível socioeconômico dos alunos, os fatores intraescolar e extraescolar analisados possuem associações estatisticamente significativas com os resultados dos alunos do 5º ano.
  • Fórum de Coordenadores de Programas de Pós-Graduação em Educação (FORPREd/ANPEd): história, configurações, desafios

    Gondra,José Gonçalves; NUNES,JOÃO BATISTA CARVALHO; Martins,Marcos Francisco (ANPEd - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação, 2018-01-01)
    RESUMO Neste artigo analisamos o processo de constituição e configuração atual do Fórum de Coordenadores de Programas de Pós-Graduação em Educação (FORPREd) da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (ANPEd). Para tanto, trabalhamos com documentação oficial da ANPEd e elaboramos um questionário on-line, remetido via lista de discussão ao conjunto dos coordenadores e vice-coordenadores nela cadastrados. Com base nesses procedimentos e nas respostas ao referido instrumento, desenvolvemos uma reflexão em torno da organização desse coletivo, recobrindo aspectos de sua história, conformação atual e desafios apontados para consolidação e avanço da pesquisa e da pós-graduação em educação no Brasil.
  • Prácticas de gestión de los equipos directivos de escuelas públicas chilenas

    Donoso-Díaz,Sebastián; BENAVIDES-MORENO,NIBALDO (ANPEd - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação, 2018-01-01)
    RESUMEN Se analizan las prácticas de los equipos de gestión de escuelas públicas, contrastándolas con las normas y aportes teóricos en este campo, apreciándose las principales dinámicas de los equipos directivos. Es un estudio exploratorio, basado en entrevistas a directivos de centros escolares. La información permite comprender cómo se han establecido sus tareas y cuáles son sus fundamentos, identificando nudos críticos de gran complejidad, por la forma cómo el sistema público ha centrado sobre el director el actuar del Centro, cuestión que afecta a la organización educacional.
  • O estágio em perspectiva semiótica: uma experiência mediada por imagens em um curso de licenciatura em educação física

    MENDES,DIEGO DE SOUSA; Betti,Mauro (ANPEd - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação, 2018-01-01)
    RESUMO O estudo investigou quais repercussões decorreram da constituição do estágio supervisionado a partir de pressupostos da semiótica de Charles S. Peirce. Na dinâmica de uma pesquisa-ação, realizada com uma turma de estágio supervisionado em educação física, da Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ), enfatizamos um enfoque pedagógico que privilegiou a comunicação, o uso da produção e da socialização de imagens fotográficas e de vídeos produzidos pelos participantes do estudo, como meios de potencializar a experiência formativa nos estágios. A análise dos dados demonstrou que o processo de explorar as imagens fotográficas e o audiovisual como meios detonadores de reflexão coletiva e do ímpeto de investigação sobre as práticas pedagógicas impactou a conduta docente dos participantes do estudo, tornando a experiência de estágio mais significativa em potencializar os diálogos e as reflexões que envolvem os participantes do estudo.
  • O papel e o lugar da didática específica na formação inicial do professor de matemática*

    OLIVEIRA,ANA TERESA DE CARVALHO CORREA DE; Fiorentini,Dario (ANPEd - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação, 2018-01-01)
    RESUMO Neste artigo trazemos para debate questões acerca da formação inicial de professores de matemática valendo-nos de uma pesquisa que objetivou conhecer, analisar, interpretar e descrever o pensamento, os saberes e as práticas que vêm sendo mobilizados, produzidos e desenvolvidos pelos formadores de professores que atuam na disciplina de didática especial de matemática em cursos de licenciatura em matemática. Visamos interpretar, analisar e compreender a natureza do conhecimento que tem sido privilegiado na(s) disciplina(s), sua importância e relação com a prática de ensinar e aprender matemática nas escolas. Entrevistamos dez formadores atuantes nessa disciplina. Priorizamos no texto o que conhecemos de suas práticas formativas, do seu pensamento acerca da importância da disciplina didática especial, destacando as (in)diferenciações entre as disciplinas didático-pedagógicas; seu lugar curricular no curso; as concepções e práticas formativas privilegiadas na disciplina e no curso.
  • Pânico moral e ideologia de gênero articulados na supressão de diretrizes sobre questões de gênero e sexualidade nas escolas

    BORGES,RAFAELA OLIVEIRA; Borges,Zulmira Newlands (ANPEd - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação, 2018-01-01)
    RESUMO Este artigo se propõe, a partir de uma abordagem das ciências sociais, a analisar as condições que possibilitaram as supressões de diretrizes sobre questões de gênero, identidade de gênero e orientação sexual dos planos estadual e municipal de educação do Rio Grande do Sul e da sua capital, Porto Alegre. Tomando os mass media como espaços de visibilidade capazes de criar acontecimentos nas consciências dos atores sociais, busca-se analisar os argumentos e conteúdos divulgados por meio dos jornais e suas influências sobre tais supressões. A partir da Análise de Conteúdo identificamos os atores e argumentos colocados em ação na construção de um pânico moral em torno da categoria acusatória da “ideologia de gênero”. Por fim, busca-se problematizar tal categoria que culmina com as pequenas, mas significativas, alterações nos planos de educação.
  • A educação física no currículo da formação de professores primários no Rio Grande do Sul (1877-1927)

    LYRA,VANESSA BELLANI; MAZO,JANICE ZARPELLON; BEGOSSI,TUANY DEFAVERI (ANPEd - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação, 2018-01-01)
    RESUMO O presente estudo buscou investigar as práticas e as representações culturais aferidas à área de conhecimento da educação física na formação de professores para atuar nas escolas primárias do Rio Grande do Sul. Para buscar compreender esse cenário a partir de uma perspectiva sócio-histórica, examinaram-se leis e relatórios expedidos no período, além de decretos, currículos oficiais de formação docente e currículos dos cursos de formação de professores. A análise das fontes identificou que vagarosamente a educação física adentrou os currículos dos cursos de formação de professores do estado, apoderando-se de tempos e espaços um pouco mais amplos. Ademais, essa condição foi influenciada na medida em que a educação física foi sendo considerada como um elemento de transformação nos debates educacionais modernos.
  • Desenvolvimento profissional docente numa licenciatura: interlocuções sobre o projeto integrador

    CAMBRAIA,ADÃO CARON; ZANON,LENIR BASSO (ANPEd - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação, 2018-01-01)
    RESUMO Este texto tem como objetivo entender as características que limitam e/ou favorecem o Desenvolvimento Profissional do Docente (DPD) por meio do planejamento, do desenvolvimento e da avaliação do Projeto Integrador (PI). Para essa análise, criamos, no curso de Licenciatura em Computação (LC) do Instituto Federal Farroupilha - Campus Santo Augusto, um grupo de estudo coletivo, denominado Desenvolvimento Profissional Docente na Licenciatura em Computação (DPDLiC), que teve como base teórica a pesquisa-ação. Os encontros foram organizados de forma presencial e no ciberespaço, com vistas a proporcionar uma participação ativa dos professores. O estudo possibilitou entender e reforçar a concepção de que os próprios professores/formadores, ao organizar colaborativamente o PI, responsabilizam-se pela formação de seus pares e favorecem o DPD.
  • Uma tipologia para a compreensão da avaliação de escolas

    FIGUEIREDO,CARLA; Leite,Carlinda; FERNANDES,PRECIOSA (ANPEd - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação, 2018-01-01)
    RESUMO A avaliação de escolas assumiu, nas últimas décadas, um lugar de destaque nas políticas e práticas educacionais. No entanto, as dimensões que abrange requerem um contínuo aprofundamento do conhecimento sobre tal prática. Este artigo pretende contribuir para esse aprofundamento por meio da produção e apresentação de uma tipologia para a leitura e interpretação dos processos de avaliação de escolas. Para tal, analisou-se a produção científica publicada entre 2002 e 2015 sobre avaliação de escolas. Esse procedimento permitiu identificar quatro eixos fundamentais à compreensão dessa temática que compõem a tipologia, a saber: 1) a avaliação de escolas nas razões que a justificam e influenciam; 2) a avaliação de escolas em suas funções; 3) a avaliação nas modalidades de seu desenvolvimento; 4) a avaliação em seus efeitos possíveis.
  • Docência na educação infantil: uma análise das redes municipais no contexto catarinense

    Buss-Simão,Márcia; Rocha,Eloisa Acires Candal (ANPEd - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação, 2018-01-01)
    RESUMO O artigo é resultado de uma pesquisa que objetivou contribuir com o conhecimento das configurações recentes das redes municipais de ensino e delinear o perfil da formação de seus profissionais em Santa Catarina, com maior abrangência sobre a educação infantil. Os dados foram recolhidos no ano de 2012 por meio de questionário enviado para 20% do total de 293 municípios do estado de Santa Catarina e, apesar dos limites concernentes ao processo de recolha de dados, houve um retorno de 32 questionários. Para este artigo, as análises centram-se nos processos de ingresso e carreira: formação mínima exigida, plano de carreira e acesso ao magistério, vínculo empregatício, situação funcional, carga horária e piso salarial dos profissionais (professores, auxiliares e diretores).
  • Reprovação escolar no Brasil: história da configuração de um problema político-educacional

    Gil,Natália de Lacerda (ANPEd - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação, 2018-01-01)
    RESUMO O presente artigo busca argumentar que o movimento dos alunos pela escola obrigatória brasileira somente adquire feição de problema político educacional a partir dos anos 1930. Nesse sentido, ressalta que o sentido atual da noção de reprovação se define apenas no século XX, embora fosse possível reprovar os alunos desde antes. Pretende mostrar, ainda, que, em articulação com mudanças políticas e culturais em educação - como a afirmação da escola obrigatória, a definição do modelo escolar seriado e a primazia da homogeneidade das classes -, a existência de estatísticas sistemáticas e de melhor qualidade, após 1931, contribuiu decisivamente para a definição das condições de possibilidade da inclusão na agenda política da reprovação como problema.
  • Educação superior no PNE (2014-2024): apontamentos sobre as relações público-privadas

    MINTO,LALO WATANABE (ANPEd - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação, 2018-01-01)
    RESUMO O artigo trata de alguns aspectos relevantes para uma compreensão do Plano Nacional de Educação, naquilo que se refere aos conflitos entre os setores público e privado no ensino superior. Adota-se como procedimento a análise do texto final da lei em foco e de seu anexo. Público e privado não são tomados como esferas autônomas e predeterminadas, mas examinados em virtude dos conflitos sociais, políticos e econômicos que, no âmbito do ensino superior, expressam disputas em torno de interesses de classe e de visões de mundo antagônicas. Nesse sentido, aponta-se que, a despeito das resistências e mobilizações possíveis durante conferências municipais, estaduais e nacional, no conteúdo do novo Plano Nacional de Educação prevalecem os interesses privados no ensino superior, conforme tendências consolidadas sobretudo nas últimas duas décadas.

View more